Aprovar contas será vitória do vale-tudo

25/12/2015 18:34

Procurador diz que se Congresso aprovar contas será vitória do vale-tudo

Por Matheus Leitão

O procurador Julio Marcelo de Oliveira, do Ministério Publico de Contas, afirmou ao blog que uma eventual aprovação das contas da presidente Dilma Rousseff no Congresso Nacional "enfraquecerá a noção de responsabilidade fiscal, de respeito às leis, de transparência na gestão pública e equilíbrio das contas públicas".

Para Julio Marcelo, "será a vitória da maquiagem contábil e do vale-tudo fiscal em ano eleitoral". As afirmações do procurador são uma resposta ao relator das contas no Senado, Acir Gurgacz (PDT-RO), que apresentou um parecer em que pede a aprovação com ressalvas das contas de Dilma em 2014.

O parecer contraria a recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU), que, por unanimidade, decidiu pela reprovação das contas de 2014 diante das chamadas "pedaladas ficais", manobras para aliviar, momentaneamente, o descontrole financeiro do governo.

Após a decisão do TCU de recomendar a reprovação das contas da presidente Dilma, a corte envia a decisão ao Congresso Nacional, que avalia o parecer, podendo segui-lo pela reprovação ou não.

O relator das contas na comissão de orçamento, que é de um partido da base governista, disse ainda que é preciso ter cuidado para não engessar o governo federal, estados e municípios.