Deem voz aos que não têm diz Cardeal Parolin

07/03/2016 14:56

Card. Parolin aos jornalistas: "Deem voz aos que não têm"

 Rádio Vaticana

 

Matera (RV) -  “Superar slogans e ideologias e colocar sempre a pessoa no centro das notícias”: é a receita para um bom jornalismo, segundo o Cardeal Pietro Parolin, participando do Congresso da União da Imprensa Católica Italiana, na cidade de Matera, sul do país.  Para o Secretário de Estado vaticano, uma boa informação pode fazer muito pela democracia: “Deem voz aos que não têm e estejam a serviço de todos os cidadãos”, pediu. 

No encontro, intitulado “Desafios do jornalismo nos tempos de Francisco”, o cardeal lembrou que “as palavras nunca são neutras; orientam a compreensão e consequentemente, influem em nosso comportamento”. “A mais nobre missão do jornalismo – prosseguiu – é dar voz a quem não a tem, porque a credibilidade se baseia na integridade, na confiança, na honestidade e na coerência do jornalista”. 

Cardeal Parolin disse ainda que “uma informação livre de interesses parciais tem o dever de construir, dia após dia, vias de integração”; e citando Bento XVI e Francisco, a respeito das novas mídias, afirmou que “na era da Internet, a missão do jornalista não é chegar primeiro, mas chegar melhor”.

Terminando o pronunciamento, o Secretário de Estado lembrou o papel social que a União da Imprensa Católica desempenha, fundando-se sempre nos “princípios de laicidade e cidadania” e “praticando, como leigos engajados, sobretudo na mídia leiga, o diálogo Igreja/Mundo, como indicado no Concílio Vaticano II”. 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!