Idolatria Contemporânea

01/09/2015 00:25

Por Josenildo Melo

 

                                               Idolatria Contemporânea

            O que é idolatria? A idolatria é usualmente definida como a prática de adoração a ídolos, valores e ideias em oposição à adoração a um Deus monoteísta. Significado de idolatria: s.f. Adoração de ídolos. Fig. Amor exagerado. Qual a principal idolatria da contemporaneidade? Podemos dizer que é o dinheiro? O dinheiro tem levado o mundo moderno e contemporâneo a um caminho que momentaneamente nenhum excelente estudioso sabe aonde verdadeiramente chegaremos?

            Porque se corre tanto na vida? Não seria em busca do dinheiro? Não vamos dizer que é uma regra geral, mas geralmente pessoas inseguras e inconstantes somente fazem algo por dinheiro. O dinheiro saiu do âmbito da particularidade e adentrou ao inconsciente coletivo? Procure perceber no dia-a-dia pra onde verdadeiramente deságuam as conversas! Tudo circula, circula e os olhos e os sorrisos começam a aparecer quando o assunto é dinheiro? Não podemos generalizar, mas os valores perpassados e repassados na contemporaneidade vai sempre neste contexto. Antes que os céticos perguntem; indagamos no próprio texto! E vocês que escrevem e refletem não pensam em dinheiro? Quem não pensa? Dinheiro é necessário e faz bem! O questionamento aqui é na ótica de que na contemporaneidade tudo leva a crer que a idolatria do dinheiro infelizmente está criando um “caos” existencial na humanidade. Isso é grave; pois o que verdadeiramente alimenta a alma são os sonhos!

            Sonhar mesmo de forma realística move e comove pessoas ainda hoje em todo o mundo. E muitos conseguem fugir da ótica monetarial e ainda hoje mergulham em busca de contribuir realmente com um mundo melhor. A organização Médicos Sem Fronteiras pelos seus anúncios veiculados na Globo News dar a dimensão do quanto o mundo somente é verdadeiramente útil quando vivenciado na ótica existencial de melhor proporcionar vidas a quem não tem mais VIDA!

              A contemporaneidade encontra argumentos pra tudo e contra todos que desejem colocar luzes ao final do túnel! Fale, escreva, produza livros com a ótica humana que você sente as mais diversas reações. Mais o que alimenta andar na contramão da contemporaneidade? A certeza de que somos pó e ao pó retornaremos! A sabedoria consiste em viver de tal forma que tudo é graça e dom de Deus. Alguns renomados sábios costumam dizer que é utopia colocar esperanças em predomínio do bem sobre o mal; não é! Os relatos de maiores alegrias são a certeza de que a própria vida se encarrega de mudar o ciclo de desejos. Nos países verdadeiramente evoluídos em termos sapienciais o dinheiro já não mais corresponde adequadamente à “fome” de ter, de poder e de prazer. Atualmente existe um desejo latente de colaboração dos mais ricos em compreender e entender os mais pobres!

            E porque a miséria continua aumentando? Desde que o mundo é mundo ninguém reflete verdadeiramente sobre a causa maior; e a causa maior é a desigualdade social gritante entre ricos desordenamente e miseráveis. Ainda hoje algumas pessoas acreditam piamente em suas consciências que somente possuem algum valor se demonstrarem acúmulo excessivo de riquezas materiais. A idolatria ao dinheiro na contemporaneidade faz pessoas descartáveis; isso leva a um constante correr e busca de espaço relevante na sociedade estrutural. Faça perguntas levemente tipo: o que seu pai é? O que sua mãe é? Automaticamente as pessoas irão responder a profissão ou espaço estrutural que eles ocupam na sociedade. Soa estranho e realmente benéfico quando alguém responde: meu pai é amoroso, bondoso, alegre, dinâmico, sábio e inteligente! O que muitos não sabem ainda é que os setores de recursos humanos de grandes empresas estão começando a fazerem este tipo de perguntas em entrevistas! E daí perguntam novamente os céticos? E daí que as grandes empresas e corporações começam também a perceber que aqueles que não idolatram o dinheiro são seres humanos completos e verdadeiramente interessados na construção de um mundo realmente melhor. Este é o caminho!

            É por estas e outras reflexões que os sábios acreditam que o mundo é realmente do conhecimento e da humildade; a idolatria do dinheiro pode satisfazer momentaneamente, mas a eternidade consistiu, consiste e consistirá em entender e compreender que somos pó e ao pó retornaremos. Mas isso não ajuda a acomodar-se? Não! Inúmeras pessoas simples e estudiosas continuam diariamente a vencer na vida percebendo que Deus é tudo e com Ele tudo vem com acréscimo. A fé mesmo na contemporaneidade remove montanhas e ajuda a viver MELHOR!!

 

Fonte: Artigo Publicado no Influente e Conceituado Portal AZ

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!