Jordânia expressa apoio à Palestina sobre Jerusalém

10/12/2017 09:56
Jordânia expressa total apoio à Palestina sobre questão de Jerusalém
O rei Abdullah II da Jordânia (direita) encontra-se com o presidente palestino, Mahmoud Abbas (esquerda), em Amã, Jordânia, a 7 de dezembro de 2017.
 
AMÃ, dezembro (Diário do Povo online) –O rei Abdullah II, da Jordânia, expressou o apoio total aos palestinos em seus esforços para estabelecer um Estado independente com Jerusalém Oriental como sua capital, informou a agência estatal de Petra.
 
O rei reiterou a sua posição durante o encontro com o presidente palestino, Mahmoud Abbas, na capital de Amã, onde o rei jordano acusou o reconhecimento dos Estados Unidos de Jerusalém como capital de Israel de ser uma violação do direito internacional e das resoluções de legitimidade internacional.
 
Abdullah II destacou a necessidade de intensificar os esforços árabes, islâmicos e internacionais para proteger os direitos dos palestinos, árabes e muçulmanos em Jerusalém, ação fundamental para alcançar a paz e a estabilidade na região.
 
Por seu turno, Abbas advertiu sobre as ameaças a Jerusalém, as repercussões da decisão dos EUA sobre o futuro do processo de paz, bem como sobre a segurança e estabilidade da região e do mundo.
 
Donald Trump anunciou que os EUA reconheciam formalmente Jerusalém como a capital de Israel, pretendendo transladar a embaixada dos EUA em Israel de Tel Aviv para aquela cidade.
 
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!