Juiz condena o filho do governador do Piauí

18/10/2017 16:44
POLÍTICA
 
BARRA GRANDE - Juiz condena o filho do governador a devolver valor gasto em viagem a lazer
Resultado de imagem para jornal diario do povo
José Wellington Barroso de Araújo Dias - Governador do Estado do Piauí - Já é governador pela Terceira Vez
 
Luciano Coelho - Editor de Política - Jornal Diário do Povo
 
Vinicius Dias viajou com a esposa em avião fretado e hospedagem tudo pago pelo Estado
 
O Juiz da 2ª vara dos Feitos da Fazenda Pública, João Gabriel Furtado Baptista, condenou o filho do governador Wellington Dias, e o diretor da Segurança, Francisco José de Almeida Viana, a devolverem R$ 17.267,00, devidamente corrigidos e com juros, aos cofres públicos do Estado.
A ação popular nº 0800232-76.2017.8.18.0140 foi ajuizada pelo advogado José Ribamar Coelho Filho contra o Estado do Piauí, Francisco José de Almeida Viana e Vinícius Ribeiro Dias. Os advogados Francisco Weslley de Olieira Albuquerque e Germano Tavares Pedrosa e Silva atuam como defensores, o primeiro do Estado e o segundo do filho do governador.
 
A ação popular pediu a nulidade do ato administrativo que autorizava a locação de táxi aéreo e o pagamento de hospedagem no resort Bobz. E o ressarcimento das despesas com valor atualizado. "O filho do governador viajou para Barra Grande com todas as despesas pagas pelo contribuinte individual, inclusive táxi aéreo em jato de luxo e hospedagem em hotel cinco estrelas, o que resultou num total de R$ 17.267,00 de prejuízo aos cofres públicos", diz sentença.
 
Na ação diz que o diretor de segurança autorizou a locação da aeronave a jato com saída de Teresina em 1 de maio de 2015 e com retorno no dia 3 de maio de 2015, através do memorando nº 272/2015, e foi autorizado o pagamento da hospedagem de Vinícius Dias e sua esposa, no hotel Bobz Resort. O governador estava na capital e sem compromissos na agenda oficial.
 
Ribamar Coelho Filho pede nulidade dos atos por ilegalidade e imoralidade. O juiz julgou procedente a ação que declara a invalidade dos atos do Gabinete Militar do Governador Wellington Dias e condenou Francisco José  Viana e Vinicíus Dias a devover aos cofres públicos os valores relativos as despesas R$ 17.267,00, corrigidos e com juros de data do pagamento.
 
Eles ainda deverão pagar as custas processuais, honorários advocatícios no valor de 10% do total.
 
 
Mais informações no Jornal Impresso Diário do Povo
Edição de quarta-feira, 18 de outubro de 2017
 
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!