Opinião: O poder político de Michel!

27/05/2016 17:48
Por Josenildo Melo 
Opinião: O poder político de Michel!
 
Queiram ou não o Michel Temer é o presidente com maior poder político desde 1988? O congresso nacional referendou esta afirmativa na primeira votação. E o que adentra em cena a partir de agora? Os últimos resquícios de um antigo sistema político que vai tentar de todas as formas desestabilizar o Brasil; mas não conseguirá! Os mesmos que tentarão desestabilizar o Temer já foram por si só desestabilizados. O poder do Presidente Michel Temer tende a se consolidar.
 
O que é o Poder? Poder é o direito de deliberar, agir, mandar e, dependendo do contexto, exercer sua autoridade, soberania, a posse de um domínio, da influência ou da força. Poder é um termo que se originou a partir do latim possum, que significa “ser capaz de”, e é uma palavra que pode ser aplicada em diversas definições e áreas.
 
Para Foucault o poder é uma prática social constituída historicamente. São formas díspares, heterogêneas, em constante transformação. Constata Foucault que o poder está por toda parte e provoca ações e uma relação flutuante, não estando em uma instituição nem em ninguém. Não está no rei, no presidente, em uma pessoa, mas nas relações sociais existentes, sendo ações sobre ações. É importante compreender que Foucault não buscou apresentar uma Teoria do poder, mas apontou caminhos para identificar de que forma os sujeitos atuam sobre as outras pessoas de poder.
 
Diferentemente da tradição da Ciência Política, para Foucault o poder não está localizado ou centrado em uma instituição, e nem tampouco como algo que se transmite por meio de contratos jurídicos ou políticos. Enquanto na teoria política tradicional se atribui ao Estado o monopólio do poder, em Foucault nota-se a existência de uma espécie de rede de microfísica do poder articulado ao Estado e que atravessa toda a estrutura social. Desta forma, para ele, é importante ver como o poder se relaciona com a estrutura mais geral do poder, no caso, o Estado. Trata-se, assim, de uma leitura ascendente das relações de poder. O poder de Michel Temer está além do próprio Estado!
 
 O que está notabilizando o governo Michel Temer é legitimidade advinda das grandes instituições e sobretudo a capacidade pessoal do Presidente Michel Temer de ouvir, escutar; está colocando cotidianamente a sua extrema capacidade de diálogo. O ouvir, o escutar, muito mais do que meras falácias vai arrastar uma verdadeira multidão em torno do seu governo. Além de Doutor em Direito, o presidente Michel tem o exercício prático da intelectualidade via parlamento; foi no parlamento que conseguiu o dom da conciliação, a capacidade extrema de aparar arrestas e escutar!
 
O poder do presidente Michel Temer contagia pela capacidade de ouvir e tomar decisões rápidas; evitando assim o desgaste político natural na luta de poder. Quem em sã consciência pode remar contra a maré neste momento? Só se forem novas forças; mas o sistema político anterior não tem nenhuma chance racional de depor Michel. O poder Político e Institucional do Presidente Michel Temer está assegurado. Com boa desconstrução de imagens; em no máximo seis meses, ninguém mais ouvirá falar de nomes que se sentiam verdadeiros “deuses”. Eis a regra Maquiavélica!
 
O poder político de Michel temer é além do mero poder de estado.
 
Artigo publicado no Conceituado e Influente Portal AZ.
 
 
*Josenildo Melo é Bacharel em Serviço Social, Jornalista, Estudante de Filosofia e Direito.
 
Editor-Chefe do www.josenildomelo.com.br e Diretor da Rádio NSD
 
 
 
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!