Para Moreira Franco, culpa da crise não é do PMDB

15/11/2015 10:07

Gustavo Uribe – Folha de S. Paulo

 

BRASÍLIA - Organizador do congresso da Fundação Ulysses Guimarães, o ex-ministro Moreira Franco avalia que, diferente do PT e do PSDB, o PMDB tem uma proposta para tirar o país da crise econômica e considera um erro a recriação da CPMF, imposto proposto pelo governo Dilma Rousseff.

 

Ele reconhece que o partido tem "alguma responsabilidade" do ponto de vista político sobre a situação do país, mas joga nas costas do PT os problemas econômicos.

 

"Na área econômica, as decisões tomadas, erradas muitas delas, não temos responsabilidade nenhuma, porque o partido nunca participou da formulação das políticas econômicas principais."

 

Folha - O PMDB deve deixar o governo da presidente Dilma?

 

Moreira Franco - Não estou preocupado com isso e imagino que a maioria do partido também não. Estamos voltados a apresentar uma solução para sair da pior crise econômica de nossa história. Temos quase 40 partidos, e o único que apresentou um programa com começo, meio e fim à sociedade brasileira foi o PMDB.

 

O partido participou desde o inicio do atual governo. A legenda também deve ser responsabilizada pela crise econômica?

 

É claro que alguma responsabilidade nós temos do ponto de vista político geral. Agora, na área econômica, as decisões tomadas, erradas muitas delas, não temos responsabilidade, porque o partido nunca participou de nenhuma decisão na formulação das políticas econômicas e públicas principais.

 

Em que pontos o senhor considera que o PMDB difere do PT e do PSDB?

 

Nós temos hoje uma proposta, sabemos como tirar o país da crise econômica e queremos nos preparar para contribuir com o país.

 

Que mudanças devem ser feitas na política econômica?

 

A principal é a responsabilidade fiscal. O problema fiscal é gravíssimo e nós não sabemos qual o deficit deste ano. É impossível, nem dona de pensão consegue fazer uma gestão adequada dessa maneira.

 

A defesa da recriação da CPMF pelo governo é um erro?

 

É um erro. Você defende o que você já experimentou e rejeitou? Além disso, a solução para a crise econômica não é aumentando impostos ou criando novos tributos, mas um plano econômico.


 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!