Chineses pretendem comprar C e A afirma revista

15/01/2018 12:28
Chineses pretendem comprar C&A, afirma revista alemã
Multinacional tem 2.000 filiais no mundo
 
PODER360 
 
A cadeia internacional de roupas C&A está prestes a ser vendida a investidores da China. Segundo reportagem da revista alemã Der Spiegel, o acordo entre a família Brenninkmeijer (fundadora da C&A) e os compradores estaria praticamente fechado.
 
Fundada na Holanda, em 1841, pelos irmãos Clemens e August Brenninkmeijer, a C&A tem 1 capital estimado em mais de € 20 bilhões (R$ 77,8 bilhões). Os donos da marca estão entre as famílias mais ricas da Europa.
 
Entretanto, a multinacional têxtil vem enfrentando forte pressão na competição crescente de lojas on-line. Além disso, concorrentes como a H&M e a Primark abocanham cada vez mais parcelas do mercado. Na Alemanha, por exemplo, o faturamento da C&A caiu de € 3,09 bilhões (R$ 12,02 bilhões) em 2011 para € 2,62 bilhões (R$ 10,19 bilhões) em 2017, uma redução de 15%.
 
De acordo com a publicação, a Cofra Holding, que administra os negócios da família Brenninkmeijer, disse que está “completamente comprometida em manter 1 negócio bem sucedido e com futuro para a C&A e que a companhia embarcou em 1 programa de transformação e crescimento”.
 
Sem citar diretamente a venda, a firma diz que “a atual transformação da C&A inclui a investigação de formas de acelerar áreas prioritárias e de alto crescimento, como China, mercados emergentes e digital, o que pode potencialmente envolver parcerias e outros tipos de investimento externo”.
 
De acordo com a C&A, a emprega cerca de 60.000 funcionários e mantém cerca de 2.000 filiais na Europa, China, Brasil e México. No Brasil, a empresa possui mais de 280 pontos de venda.
 
TRABALHO ESCRAVO
 
No Brasil, a empresa foi condenado, em 2014, a pagar multa de 100 mil reais por irregularidades trabalhistas em Goiás.
 
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!