Coluna do Cláudio Humberto - 10 de julho de 2018

10/07/2018 03:28
AMEAÇAS DE MORTE A MORO VOLTAM ÀS REDES SOCIAIS
CLAUDIO
A armação petista para tentar a soltura do ex-presidente Lula, domingo, fez ressurgir com força ameaças de morte ao juiz federal Sérgio Moro nas redes sociais. “Gente, temos que mandar matar o Moro”, diz um dos posts no Twitter, associando-se a outros como o que exorta os adoradores curitibanos de Lula a “ir ali e matar o Moro”, outro pediu um “assassino de aluguel” uma mulher promete: “Eu vou matar o Moro”. Outra promete festa e cerveja de graça no dia quem matarem o juiz.
 
PENDURADO NA BROCHA
 
A coluna procurou o Conselho Nacional de Justiça, a Justiça Federal do Paraná e a Polícia Federal. Ninguém quis falar sobre as ameaças.
 
PROTEÇÃO FEDERAL
 
No Brasil costumam subestimar ameaças públicas de morte, mas, pelo sim, pelo não, o juiz Sérgio Moro tem proteção federal 24 horas por dia.
 
TWITTER SE OMITE
 
São dezenas de mensagens de ódio. O Twitter diz ter “política rigorosa” contra isso, mas não respondeu aos questionamentos sobre o assunto.
 
NADA A DECLARAR
 
A Ajufe, entidade de juízes federais, curiosamente não se impressiona. Sua assessoria informou que “não há indicativo de posicionamento”.
 
PETISTAS FALTAM ATÉ 25% DAS SESSÕES PARA BAJULAR LULA
 
A peregrinação de parlamentares do PT e partidos satélites a Curitiba para bajular o ex-presidente Lula, preso por corrupção e lavagem de dinheiro, levou deputados do PT a faltar a mais de 25% das sessões da Câmara. É o caso do deputado Paulo Pimenta (RS), um dos autores da vexatória manobra de tentar soltar Lula no plantão do desembargador Rogério Favreto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, domingo.
 
JUSTA CAUSA
 
Desde a prisão de Lula, Pimenta contabiliza 13 faltas. Em 2018, faltou um a cada quatro dias e se fosse trabalhador normal, daria justa causa.
 
NA NOSSA CONTA
 
Além das faltas, parlamentares têm sido reembolsados pelas viagens a Curitiba. Paulo Teixeira (PT-SP) já recebeu mais de R$ 1,5 mil de volta.
 
OPORTUNIDADE
 
O pedido de habeas corpus foi feito após às 19h de sexta, justamente para coincidir com o plantão de Favreto, filiado ao PT por 20 anos.
 
‘MERECIA CAMBURÃO’
 
O senador José Medeiros (Pode-MT) não economiza adjetivos quando se refere à presepada do desembargador Rogério Favreto, do TRF-4, tentando soltar Lula. O senador acha que o magistrado ligado ao PT vai ser aposentado, “mas ele tinha de sair de lá de camburão”.
 
DISCO QUEBRADO
 
Sindicatos de servidores convocaram protesto para às 8h, em Brasília. Têm ótimos salários e aposentadoria integral, mas querem aumento, enquanto 13,2 milhões de brasileiros nem sequer têm empregos.
 
‘DEBATE’ ARMADO
 
Será nesta quarta (11) o “debate”, nas comissões de Minas e Energia e de Agricultura, na Câmara, sobre venda direta de etanol aos postos. O “debate” é armado por distribuidores/atravessadores, que não querem perder o cartório. Não foram convidadas quem defende a venda direta.
 
DESPRESTÍGIO INTERNACIONAL
 
A decisão do desembargador Rogério Favreto, TRF4, não foi, digamos, bem aceita no Supremo Tribunal Federal. Quatro ministros, todos em viagem ao exterior, disseram ser contrários à presepada de domingo.
 
APENAS OPORTUNISTAS
 
À exceção de dois vinculados à esquerda, os demais governadores nordestinos que atacam a Justiça, a pretexto de defender Lula, são apenas políticos oportunistas pretendendo bajular eleitores do detento.
 
INSULTO DO BARBALHO
 
O vereador Mateus Almeida (Novo), revoltado, atacou na Câmara de BH, jatinho para o ex-ministro Helder Barbalho por conta da prefeitura, e ainda insultou o pai dele, Jader. “Por que o prefeito Kalil transporta “esse tipo de escória política por ai?”, perguntou. Ficou sem resposta.
 
HORA DE MUDAR
 
Pré-candidato a presidente da República, o senador Alvaro Dias (Pode-PR) disse que tentativa de “anarquizar o Judiciário”, do desembargador Rogério Favreto, foi um tiro no pé. “A população não se conforma mais”.
 
VANTAGEM DO MANDATO
 
Deputados e senadores largam na frente na disputa eleitoral. Gastaram mais de R$ 28,5 milhões em “divulgação da atividade parlamentar” este ano e foram reembolsados por cada centavo com grana do contribuinte.
 
PENSANDO BEM…
 
… apesar de não haver folga hoje, a Copa do Mundo continua.
 
 
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!