Governo responderá a todos os pedidos de socorro

19/02/2018 00:16
‘Governo responderá a todos os pedidos de socorro’, afirma Torquato Jardim
Força-tarefa embarcou ao Ceará - Eunício Oliveira integra comitiva
 
Por Paloma Rodrigues - Poder360
 
O ministro Torquato Jardim (Justiça) afirmou no domingo (18.fev.2018) que “não sugere intervenção de qualquer natureza no futuro distante” no Ceará. A força-tarefa de auxílio ao combate ao crime organizado embarcou na base aérea de Brasília rumo ao Estado.
 
Questionado se teme uma avalanche de pedido de socorro dos Estados na segurança pública, Torquato Jardim afirmou que o governo responderá a todos os pedidos, dentro de seus limites. “O que vier, o governo federal assistirá, responderá na extensão de sua capacidade operacional e seus limites de orçamento”, disse.
 
O ministro disse não poder dar mais detalhes sobre o plano a ser adotado no Estado por uma questão estratégica de inteligência. “Para o crime organizado, o Ceará é o centro geográfico. Quem conquista o Ceará, conquista o Nordeste.”
 
O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), foi 1 dos articuladores da ação e integrou a comitiva enviada ao Estado. Segundo ele, o governador Camilo Santana (PT) pediu seu auxílio para garantir a ajuda do governo federal.
 
EXPLICAÇÕES DE SEGOVIA
 
O ministro da Justiça afirmou que as explicações do diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, sobre o inquérito envolvendo o presidente Michel Temer devem ser feitas à Justiça Federal. “A matéria versada pelo delegado Segovia tem a ver com o lado constitucional, que se reporta aos juízes federais, não ao Ministério da Justiça”, disse. “É uma linha constitucional que eu não atravesso.”
 
NOVO MINISTÉRIO
 
O anúncio do novo Ministério de Segurança Pública é tratado há meses pela cúpula do governo, disse Torquato Jardim. Segundo ele, a nova estrutura não trará esvaziamento para o Ministério da Justiça. “O Ministério da Justiça e Segurança Pública tem 17 secretarias. Vamos continuar com a Funai, que já é 1 mundo em si mesmo”, disse.
 
O governo busca 1 nome para o ministério que tenha boa interlocução com o Congresso e os governadores. O tema deve ser tratado amanhã, na reunião do Conselho de Defesa Nacional.
 
 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!