STF Acovardado - Coluna do Cláudio Humberto

23/03/2018 09:14
23 DE MARÇO DE 2018 - Coluna do Cláudio Humberto
Resultado de imagem para supremo tribunal federal
STF CRIA ‘PIZZA PROVISÓRIA’ PARA MANTER LULA SOLTO
Apesar da afirmação da ministra Cármen Lúcia de que o ex-presidente seria tratado como qualquer outro condenado, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) resolveram proteger Lula, condenado a 12 anos e 1 mês de cadeia por corrupção. Atropelando o Tribunal Regional Federal (TRF-4), a súmula 691 e o entendimento de todas as instâncias que negaram o benefício, o STF criou uma “pizza provisória”, proibindo a prisão do corrupto condenado antes do julgamento do habeas corpus.
   
TEATRO DA JUSTIÇA
Ministros do STF e advogados de Lula não pareciam surpresos com o a “pizza provisória” de ontem. Perplexidade só havia mesmo nas ruas.
   
DESCULPA ESFARRAPADA
O STF não julgará o habeas corpus na próxima semana, alegando o “feriado de Páscoa”. Que cai na sexta, quando raramente há sessões.
   
DÁ UMA CANSEIRA...
Com a sessão avançando na madrugada, disse Ricardo Lewandowski, a “matéria ficaria prejudicada”. E a Justiça também, faltou dizer.
   
STF ‘ACOVARDADO’
O movimento “Vem Pra Rua” não parou de reproduzir em Brasília, ontem, o áudio em que Lula chama o STF de “acovardado”. Humm...
   
DIPLOMATA ESPANCADOR DE MULHERES VOLTA A ATACAR
Acusado em diversos casos de agressão a mulheres, até no exterior, o diplomata Renato de Ávila Viana foi denunciado outra vez à Polícia Civil do DF. Uma mãe contou terça (20) à 1ª DP, de Brasília, que a filha Rafaella de Melo Maciel, namorada de Renato, desapareceu em 13 de março em companhia dele. Jobeniva Livramento de Melo contou que o relacionamento da filha com Renato é “conturbado”, e que Rafaella disse sentir medo dele, relatando ter sido agredida por diversas vezes.
   
DUAS OCORRÊNCIAS
É a segunda vez que a mãe de Rafaella denuncia o diplomata à polícia. O namoro iniciou em outubro e em dezembro houve a primeira queixa.
   
REMÉDIOS CONTROLADOS
A mãe afirma que Rafaella faz uso de remédios controlados para o tratamento de transtorno de boderline, e tenta sua interdição na Justiça.
   
AGRESSÃO REGISTRADA
Agressão de Renato a Rafaella, segundo a mãe, foi registrada até no livro de ocorrências do condomínio onde ele mora.
   
IMPUNIDADE GARANTIDA
Licenciado para “tratamento de saúde”, o diplomata Renato de Ávila Viana já se envolveu em pelo menos seis agressões a mulheres, mas, nunca foi punido pelos colegas do Ministério das Relações Exteriores.
   
LÍDER INDIGNADO
O líder do blocão na Câmara, Arthur Lira (PP-AL), está revoltado com o governo Temer: descobriu que a aliança do ministro Maurício Quintella (Transportes) com tipos como Renan Calheiros foi obra do ministro Moreira Franco, em prejuízo dos aliados de Temer em Alagoas.
   
HARMONIA NA SPU
Reina a mais absoluta paz entre Sidrak de Oliveira, chefe da Secretaria do Patrimônio da União, e a superintendente da SPU-DF, Fabiana Torquato, cuja atuação, aliás, tem sido muito elogiada. Como cuida dos bens mais preciosos do povo, a SPU adotou  a homepage patrimoniodetodos.gov.br.
   
POVO CONTRA OS CORREIOS
Em apenas quatro dias, já reúne mais de 19 mil assinaturas o abaixo-assinado no site Change.org contra o aumento abusivo dos Correios de até 51%, no frete dos produtos comprados pela internet.
   
NENHUMA NOVIDADE
Os leitores da coluna sabem há semanas o que jornalões descobriram ontem: a existência da Súmula 691, afinal rasgada ontem, que veda ao STF conhecer habeas corpus negado em outro tribunal superior.
   
TUDO NORMAL
Quando viram o ministro Luís Barroso sair do almoço no restaurante Le Jardin, do Cube de Golfe de Brasília, curiosos notaram que seu carro oficial, um Hyundai Azera, não tem placa verde e amarela, como dos demais. Consultaram o aplicativo Sinesp Cidadão: a placa não é fria.
   
LULA PRESO
O “Pixuleco”, boneco que representa Lula vestido de presidiário com número “13-171” na camisa foi apreendido ontem pela polícia, em Brasília. “Desobedeceram a ordem de não inflar”, explicou a PM-DF.
   
TIPO CELEBRIDADE
No calor das discussões do julgamento que acabou em “pizza provisória” para o ex-presidente Lula, ministros do Supremo foram vistos em conversas paralelas cobrindo a boca para evitar leitura labial.
   
PENSANDO BEM...
...com o adiamento da sessão para julgar em definitivo o habeas corpus do petista, Lula venceu no Supremo pelo cansaço... dos ministros.
 
 
   

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!