Vários partidos ficam de fora do Fundo Partidário

09/10/2018 21:40

DestakJornal - https://www.destakjornal.com.br/

Quase metade dos partidos ficam de fora do horário gratuito e do Fundo Partidário

A chamada cláusula de barreira restringe a participação das siglas que tiveram menor desempenho

Na próxima eleição, o horário gratuito de TV e rádio além do recurso do Fundo Eleitoral, não contará com a participação de 14 partidos. Eles não atingiram a chamada cláusula de barreira, regra que impõe critérios mínimos de desempenho para receber os benefícios.

Foram atingidos os partidos PCdoB, Rede, PATRI, PHS, DC, PCB, PCO, PMB, PMN, PPL, PRP, PRTB, PSTU e PTC. Eles representam 40% dos 35 registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Os critérios para receber os benefícios são baseados na bancada eleita na Câmara dos Deputados. Os partidos precisam emplacar nove parlamentares em no mínimo nove unidades da federação ou pelo menos 1,5% dos votos válidos distribuídos em um terço das unidades da federação, com no mínimo 1% em cada uma delas.

O recurso do Fundo Partidário não é o único para custear as eleições. Neste ano, ele somou R$888,7 milhões. Há ainda o Fundo Especial de Financiamento de Campanha, que somou R$ R$ 1,7 bilhão. Para este, também com base na bancada eleita, todos os partidos tem o direito de uma parcela. 

Trinta partidos terão representação na Casas a partir de 2019 

Resultado de imagem para partido social liberal

PSL - Partido Social Liberal atingiu a meta e foi o partido que mais cresceu - Será o maior Partido do Brasil

Os 513 deputados eleitos para a Câmara dos Deputados são representantes de 30 siglas diversas.Trata-se de um recorde. Hoje, há 25 partidos com cadeira na casa. Considerando a  eleição de 2014, apenas o PRTB deixou de eleger um deputado federal.

Apesar de ter encolhido em relação a 214, a bancada do PT ainda será a maior, com 56 deputados. Catapultado pelo sucesso de Jair Bolsonaro, o PSL terá a segunda maior representação, com 52 legisladores. Em 2014, o partido tinha apenas uma cadeira no plenário

O PMDB, por sua vez, foi a sigla que mais encolheu. Se em 2014 elegeu 66 deputados, esse ano foi 50% a menos: 34. O PSDB também desidratou. Terceira maior bancada no último pleito, com 53 deputados, terá 30 a partir de 2019.

Deputados federais (2014 e 2018)

PT: 70 - 57

PSL: 1 - 52 - Saiu de 1 para 52 deputados Federais

PSDB: 53 - 30

PMDB: 66 - 34

PSOL: 5 - 11

PSB: 34 - 31

Rede: 0 - 1

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!